Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

menina dos abraços

um abraço: a melhor forma do amor.

menina dos abraços

um abraço: a melhor forma do amor.

Os anos passam.

Os anos passam. 

Que saibas olhar bem para ti. Para dentro de ti.

Que saibas percorrer cada pedaço do teu coração, onde guardas (só) o que importa. O que importa de verdade.

Que saibas morar em cada abraço.

Que saibas abraçar cada mão dada.

Que saibas entregar-te em cada olhar.

Que saibas sentir cada sorriso.

Que saibas curar em cada beijo.

Que saibas amar as pessoas. As tuas pessoas. As que ficam. Sempre. Para sempre.

Que saibas tatuar corações com a tua vida.

Que saibas deixar que outras vidas te tatuem o coração.

Que saibas agradecer cada milagre.

Que saibas encontrar força para cada tempestade.

Que saibas viver e ser, sempre, com o coração.

Que saibas viver e ser, sempre, com amor.

Todos os dias.

Porque, enquanto os anos passam, é só isto que fica. E que te salva.

Sempre. Para sempre.

Que o saibas, também.

Abraçar outras palavras | Abraço, da Daniela

"Abraço, gesto de emoção infinita que me arrepia o peito e acalma a alma. É belo, simples e puro. 

Naquela bolinha transparente que se ergue quando nos abraçamos, dois corações se juntam e mil emoções se partilham, e são imensas.  
 
Mais caloroso ficaria o mundo se em vez de gritos e choros de tristeza, houvesse tentativas de aproximação vindas do coração, apertos quentes, beijos infinitos, e por fim, abraços sentidos. Aqueles abraços apertados que ficamos sem ar, e aí o mundo sofredor à nossa volta desaparece porque tudo aquilo que é escuro se torna algodão doce, e nós podemos saboreá-lo e senti-lo. 
 
E que bom. Que bom se torna. Prazeroso. Amo abraços! São como arco-íris. Belos, cheios de cor que se podem descrever nos maravilhosos sentimentos que alcançamos quando somos abraçados verdadeiramente por alguém que amamos. 
E por falar nisso, se sabe bem um sentimento tão potente de alguém que nos é próximo, um abraço também pode mudar a vida de alguém, o dia de alguém, basta ser verdadeiro, mesmo que desconheçamos o motivo. Nem tudo na vida tem de ter uma razão, apenas tem de acontecer do coração. 
 
Por isso, abracem :)"
 
Palavras da Daniela, para este "abraçar outras palavras". A Daniela, para além de minha homónima, é amor nas palavras que escreve. São palavras de amor. São palavras que transbordam do coração. E é tão mais bonito tudo o que se faz com e do coração. É assim que nos cativa e nos toca sempre, de forma tão bonita e especial. Hoje deixa-nos este abraço (que nos abraça), tão especial também. Obrigada, querida Daniela. ❤

O melhor presente.

O melhor presente vem em forma de abraço que te envolve e te guarda bem dentro, por inteiro.

O melhor presente vem em forma de mãos que te seguram e não te largam mais.

O melhor presente vem em forma de olhar que te vê de verdade e te toca a alma.

O melhor presente vem em forma de sorriso que te abraça o coração e se tatua nele para sempre.

O melhor presente vem em forma de colo que te abraça e te sossega tanto.

O melhor presente vem em forma de beijo que te cura com sabor a ternura.

O melhor presente vem em forma de coração que te abriga como se fosse casa.

O melhor presente vem em forma de gente que se faz tua. Que te faz sua.

O melhor presente vem de forma subtil e pequenina e, ao mesmo tempo, estrondosa e maior do que o mundo.

Ultrapassa tudo. Muda tudo.

O melhor presente vem para te salvar.

O melhor presente vem em forma de amor.

 

E o melhor presente vem em forma de ti. És tu. Quando és… com amor. O melhor presente é o teu amor. Sabes? Experimenta. Faz milagres. Muda mundos. Sê Natal.

Feliz Natal. ❤

Quem consegue ver-te de verdade?

Há sempre alguém que te vê. Que te vê de verdade.

Há sempre alguém que te descobre por dentro. Que te descobre por detrás das barreiras que vais construindo. Que te descobre por detrás de tudo o que o mundo vê em ti e, principalmente, por detrás do que ninguém vê: por detrás dos teus medos, dos teus fantasmas, das tuas dores, das tuas cicatrizes.

Há sempre alguém que te vê. Que te vê de verdade.

Há sempre alguém que te abre a porta e se convida a entrar. Mesmo sem saberes. Mesmo sem quereres. Mesmo que fujas. Há sempre alguém que te ultrapassa e te encontra por dentro. Que te percorre a alma e encontra o que és.

Há sempre alguém que te vê. Que te vê de verdade.

Há sempre alguém que te sorri como quem te abraça, que te dá a mão como quem te resgata, que te abraça como quem te salva e que te olha, por dentro, e te vê. Que te vê de verdade. Sabes?

Abraçar outras palavras | Abraço, da Nala

"Sou apaixonada por abraços! Comparo-os a uma chegada a casa depois de um dia muito frio.

Dar ou receber um abraço é um presente valioso. É uma espécie de benção.

É ser acolhido num porto seguro e sentir-se protegido, nem que seja por alguns minutos, das enormes vagas que tantas vezes temos de enfrentar ao longo da nossa vida.

Abraços são fonte de energia, são sentimento de calma e ao mesmo tempo levam-nos num turbilhão de sentimentos. São momentos em que estamos tão próximos do coração do outro que quase fazem parar o tempo...

Um abraço não é só um abraço, é sobretudo um dom de si mesmo. E há lá no Mundo presente mais importante do que esse?

Que nesta época festiva da qual nos aproximamos, que "debaixo da árvore" hajam mais abraços do que presentes. Que cada um de nós, adultos ou crianças, possamos desfrutar desse calor e dessa paz e que cada um dos abraços que recebamos seja sinónimo de amor e de pertença! Porque ninguém é feliz sozinho!

Desejo-vos uma Montanha de Abraços!"

 

Palavras da Nala, para este "abraçar outras palavras". A Nala trouxe-nos um abraço que não precisa de palavras. Na verdade, os abraços não precisam de palavras, não é? A Nala trouxe-nos magia embrulhada num abraço. Esta magia que já quer fazer-se sentir. Esta magia que precisamos tanto de sentir, como se fosse a primeira vez. Como quem se deixa encantar pela simplicidade arrebatadora da sua beleza. É esta a verdadeira magia: a que toca corações. Essa, que habita no amor destes dias (e que fique todos os dias). Essa mesma, que habita no amor de um abraço. Obrigada, Nala. ❤

É urgente o amor.

É preciso abraçar com a urgência de quem não larga mais.

É preciso dar as mãos com a urgência de quem dá o coração.

É preciso olhar nos olhos com a urgência de quem toca a alma.

É preciso sorrir com a urgência de quem abraça o coração.

É preciso beijar com a urgência de quem tatua ternura.

É preciso ser colo com a urgência de quem respira amor.

É preciso falar com a urgência de quem fala do coração.

É preciso ser silêncio com a urgência de quem é feito de sentir.

É preciso curar lágrimas com a urgência de quem salva (de) tudo.

É preciso rir com a urgência de quem contagia o mundo.

É preciso brilhar no olhar com a urgência de quem se deixa encantar.

É preciso ser das nossas pessoas com a urgência de quem se faz morada. Para sempre.

É preciso amar com a urgência de quem é amor.

É preciso ser amor com a urgência de quem ama.

É preciso o amor com urgência.

É urgente o amor.

O lugar do teu coração.

No final de tudo, quando mais nada importa a não ser o que importa de verdade, para onde vais? Quando não te resta nada, quando precisas de um lugar seguro para cair, o que te abraça? Quando tens tudo, quando precisas de mostrar o teu coração cheio, para quem corres?

Sabes? Mesmo que em segredo, mesmo que só no silêncio do teu coração?

Quando precisas de um sorriso que te salve e te seja amor, para onde vais? Quando precisas de um abraço que te envolva e te esconda do mundo, o que te abraça? Quando precisas de uma mão que te resgate e te segure bem, para quem corres?

Sabes?

É aí. É exactamente aí. O lugar do teu coração.